quarta-feira, 19 de outubro de 2011

Parem de dar motivos!

Boa tarde para quem é da tarde e boa noite para quem é da noite, caros amigos rubro-negros.

Depois de algum tempo volto aqui para tirar a poeira de cima do blog e agitar um pouco as coisas por aqui entre os meus milhões de seguidores/leitores. Tudo sempre na humildade, claro. :)

Mas vamos deixando de papo furado e voltemos aos assuntos sérios.

Primeiro vou começar esse post de hoje contanto algumas coisas sobre mim, coisa pouca, mas que explica melhor a minha indgnação sobre o que anda acontecendo nesse campeonato brasileiro. Então vamos lá.

Eu sou um cara que sempre gostei de escrever, desde pequeno aprendi a ficar calado na hora que estava passando o jornal na tevê e que já virou várias e várias noites lendo determinados livros os quais a literatura me agrada. Já venci concurso de redação no colégio e também já tive uma poesia publicada em um livro de uma instituição educacional qualquer quando ainda tinha meus 16 anos. Juntando a isso a vontade de sempre me informar melhor e de passar as informações que conseguia aos amigose conhecidos foi bem fácil para mim aceitar e (infelizmente por um lado) seguir os estudos para me formar em jornalismo.

Quando ainda estava na faculdade cada um dos colegas de classe já demonstrava um tipo de paixão que gostaria de seguir dentro da carreira, eu não era diferente. Porém sempre que falava de onde e como gostaria de trabalhar em nossas utópicas conversas nos corredores da universidade eu sempre colocava em questão duas coisas com as quais eu NUNCA gostaria de trabalhar dentro do jornalismo. A primeira era o jornalismo investigativo, creio que não preciso explicar muito o por quê de não querer trabalhar neste tipo de profissão de risco. E o segundo era trabalhar no jornalismo esportivo cobrindo futebol.

Muito dos meus amigos ficavam espantados quando sabiam disso pois eles também presenciavam a minha paixão pelo Mengão. E era justamente por conta dessa paixão que eu gostaria de manter-me afastado desse assunto. E sempre expliquei que:

"Apesar de gostar muito de futebol, não gostaria de trabalhar com esse tipo de jornalismo pelo simples fato de precisar me aproximar de mais dos bastidores do esporte. Saber de coisas que acabariam de alguma forma interferindo no modo de como eu via o Flamengo em campo. Eu lia sobre política, pra ficar por dentro do que acontecia, lia sobre assuntos internacionais, lia sobre problemas sociais, e até sobre a perversa economia, a qual eu detesto mas preciso. Então a única coisa que gostaria de me manter "Ignorante" era o futebol. Para que ele continuasse a ser somente uma grande parte da minha diversão."

Apesar de muitos de vocês me verem discutindo sobre nossos dirigentes, sobre o modo de como eles aparecem e usam o Flamengo... nunca fui além disso. Além do que eles fazem ou podem fazer fora dos muros da Gávea, para com os outros clubes (se é que isso existe).

Sempre gargalho com a arcoíris chorando por conta da "Flapress", da Globo, da CBF e de tantas outras coisas que eles jogam pra cima do Mengão quando perdem. E me acabo de rir quando eles simplesmente esquecem qualquer coisa sobre o assunto se o Flamengo tá mal na fita.

Falo tudo isso para começar agora a falar sobre o que anda acontecendo neste momento na reta final do campeonato brasileiro.

O que aconteceu essa semana no STJD foi um absurdo. Uma afronta à inteligência do torcedor brasileiro. E aqui eu gostaria de despir-me da Flamenguisse (impossível, mas vamos ilustrar o texto com essa probabilidade) para analisar esses fatos absurdos.

Quem me segue no twitter sabe que eu sou um cara que não gosto e nem costumo dar muita corda quando o assunto é teoria da conspiração contra time tal, favorecimento à time tal, etc. Mas os fatos desse campeonato brasileiro começam a me incomodar de um jeito que antes já não me tiravam tanto do sério.

Todo mundo sabe que a arbitragem brasileira é horrível. Nossos "profissionais" do apito ficam devendo e muito como profissionais. O árbitro é humano e erros acontecem e também são aceitáveis. Mas os níveis desses erros chegam a preocupar. Porém não somente de erros vivem as injustiças desse mundo do futebol. Eu torço para que não exista, para que seja ilusão ou uma maldita coincidência. Só que esses  "doutores" da "justiça" dão muito motivo para que essas teorias ganhem pés e também várias cabeças.
Quer julgar o Renato? Tudo bem, direito de vocês. Quer dizer que vocês acharam que ele deu uma cotovelada proposital no Rafael Moura? Tudo bem, analise, olhem, revejam... é pra isso que se deve existir um julgamento. Para se tirar uma possível dúvida existente.

Mas o vídeo mostra CLA-RA-MEN-TE que o Renato não usa o cotovelo propositalmente. Pode até ter pegado, como de fato creio o tenha feito, mas foi um lance proporcionado por um esporte de contato, como é o futebol. Então os senhores o punem com 1 jogo de suspensão? Ok. E qual o motivo do Ronaldinho não ter sido convocado para uma audiência? Ah, claro, ele já estava automaticamente suspenso para o jogo contra o Santos e não precisaria ser retirado do esquema. É isso?



E as imagens que mostram CLA-RA-MEN-TE que o Rafael Moura cospe no Renato? Isso só vale DOIS jogos de suspensão? Ele ataca um colega de trabalho moralmente para todo o Brasil ver, uma atitude muito mais grave e antiesportiva do que a possível cotovelada do Renato e leva somente 2 jogos de suspensão?



E o Abel? Que foi expulso por xingar TODOS os árbitros, se recusou a sair do campo, depois invadiu o gramado, meteu o dedo na cara do juiz, chamou-o de LADRÃO, como foi relatado na súmula oficial do jogo e pegou SOMENTE 4 jogos de suspensão? Eu já vi jogador ser suspenso por muito mais tempo somente pelo fato da câmera ter pego o mesmo fazendo o famoso gesto com o polegar em riste sobre a palma da outra mão insinuando o mesmo. E ainda teve "doutor" pedindo somente uma ADVERTÊNCIA para cobrir todo esse absurdo. Ah como eu queria ver se fosse o Luxemburgo fazendo o mesmo.

Só para finalizar, gostaria de saber onde é que está a punição ao jogador Borges do Santos. Pois até agora não vi e nem soube de qualquer punição que seja pelo fato do mesmo ter aberto o supercílio do Junior César no primeiro turno. Vai haver alguma punição ao Borges? Ou quem sabe estão esperando o campeonato brasileiro de 2012 para tomarem as devidas providências? Ah, quer dizer que o Junior César é jogador do Flamengo? Que coisa, hein?



Caros senhores da CBF, STJD ou qualquer órgão que seja. Não gosto e nem quero acretidar em uma conspiração para favorecer um ou outro. Mas por favor...

PAREM DE DAR MOTIVOS!!!

Caso contrário, precisamos sim, abrir o olho e dar crédito aos teóricos. Pois os argumentos apresentados pelos mesmos estão, cada vez mais, fazendo sentido.

MENGÃO ETERNAMENTE

PS: E olha que eu nem coloquei o fato de que em mais de 30 rodadas o Flamengo não ter UM, UNZINHO, UNO, ONE, UN... penalti a seu favor.

PS2: Ops, acabei de colocar.

0 comments:

Postar um comentário

!!!ATENÇÃO!!! - Leia antes de comentar

1 - A administração tem SEMPRE razão

2 - Qualquer comentário como "First", "Primeirão", etc. Não será aprovado, portanto nem se dê ao trabalho.

3 - Comentários de conteúdo racista/preconceituoso não serão aprovados

4 - Comentários contendo simplesmente um link para outro blog serão rejeitados. Não faço isso e acho extremamente sem graça quando alguém o faz. Quer deixar o link como uma assinatura? Ok, mas ao menos comente algo pertinente ao assunto do post em questão.

5 - Quer ser parceiro do Blog? Vá à página de contatos, lá tem o e-mail para você fazer isso.

6 - Quer sugerir algum tipo de post, assunto, etc? Leia a resposta to item #5

7 - Comentários anônimos estão liberados (não sei o movito) porém posso muito bem reprovar qualquer um que seja devido aos motivos anteriormente citados.

8 - Não concorda ou ainda tem alguma dúvida? Leia novamente o item #1

Share

Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites More